Conheça o OpenRC, uma opção de init complementar ao SysV

OpenRC se trata de uma opção ao SystemD de init para o Linux e BSD

O OpenRC se trata de mais uma opção de init ao SystemD e ao System V (ou sysvinit), ele está sob a licença GPL2 e segue a filosofia UNIX de 'faça uma coisa e faça bem', embora seja verdade que possui mais recursos que o sysvinit, ele não fica longe de sua função principal com recursos adicionais desnecessários.

Toda a configuração do OpenRC é feita através de scripts de shell e links simbólicos. Os scripts de shell podem usar vários utilitários especializados para facilitar o desenvolvimento de scripts de inicialização.

O OpenRC se baseia no sysvinit e adiciona alguns recursos mais úteis (como inicialização paralela) enquanto ainda mantém a simplicidade pela qual o sysvinit é conhecido. Por causa disso, ele geralmente inicializa mais rápido do que outros sistemas init, especialmente quando a inicialização paralela está habilitada.

O uso do OpenRC não limita uma distribuição Linux dos serviços extras NON-POSIX específicos nos quais os programas dependem. E ele também pode ser compilado para outros sistemas operacionais UNIX.

O OpenRC não substitui o init do SysV, funcionando na verdade junto com ele, fornecendo recursos que faltam ao SysV enquanto aproveita seus benefícios, sendo na verdade um tipo de complemento. Há, ele usa o multi-core e a memória Ram de maneira muito eficiente.

Com o OpenRC você consegue adicionar um novo script de inicialização para a maioria dos casos em menos de cinco minutos. A capacidade de inserir rapidamente novos aplicativos no sistema é de grande ajuda.

Ele sempre inicializa um sistema da mesma maneira; se o OpenRC inicializou e executou um sistema corretamente hoje, ele inicializará e funcionará corretamente amanhã e no dia seguinte.

Alguns contras do OpenRC

Infelizmente o OpenRC ainda não possui ativação de soquete. No entanto, será adicionado no futuro. E ele ainda não é amplamente oferecido em todas as distribuições, só pra ter ideia dos sistema do Distrowatch, apenas dez distribuições (das quais 8 Linux, 1 BSD) suportam oficialmente o OpenRC oferecem por meio de seus repositórios padrão.

Usaria o OpenRC como init? Prefere o SystemD, Runit ou algum outro? Deixe aqui nos comentários 😀.

 

 

Postar um comentário

0 Comentários