5 Sistemas base Debian pra ficar de olho em 2022


 Sistemas base debian pra ficar de olho em 2022

Agora em 2022 parei pra pensar e assim como fiz uma lista de sistemas base Arch Linux pra ficar de olho em 2022, resolvi fazer também sobre os sistemas baseados no Debian pra ficar de olho em 2022. espero que aprecie essa matéria.

Q4OS

Q4OS um sistema base Debian com Kde, focando na experiência com a interface plasma
Esse sistema está disponível nas interfaces Kde e Trinity Desktop, que se trata de um Kde modificado e vem prometendo entregar um sistema tendo como característica, combinar foco com produtividade, eliminando componentes e programas que julgam supérfluos. 

Ele vem com uma experiência de desktop duplo com Plasma e Trinity, lado a lado com um não interferindo um com o outro.  Separados, mas prontos para serem executados conforme necessário, aguardando a ação. Bastando selecionar o desktop desejado no momento do login.
 
Achei muito interessante essa opção do desktop Trinity, já tinha ouvido falar nele, mas não encontrava nada mais vivo no momento trazendo essa interface, até conhecer esse sistema.

MX Linux


MX Linux se trata de um sistema base Debian mas leve e fácil de usar

O MX Linux é um sistema que começou em meio a uma discussão sobre opções futuras entre os membros da comunidade MEPIS em dezembro de 2013. 

Ele tem omo obejtivo, pelo menos segundo diz a comunidade,  “combinar um elegante e eficiente desktop com configuração simples, de alta estabilidade, desempenho sólido e ter ‘peso’ médio”. Mas confesso que o layoult dele  dele é estranho a primeira vista, na verdade é estranho mesmo, vindo com um ambiente grafico XFCE, com um um painel na lateral que foi jogado ali, sem nenhuma customização prévia, mas nada que uma boa customizada no sistema não resolva.

Ele foi construído na sua primeira versão  tendo o Debian jessie como base, recebendo alguns aprimoramentos do sistema Antix live que permite experimentar o sistema sem instalar.

Ele têm liderando o raking do distro Watching desde de 2019, quando tirou a liderança do Manjaro que durou o ano de 2018 apenas.
Em resumo o MX Linux se trata de uma sistema Debian Stable atualizado pelo backports, possuindo  um excelente suporte a hardwares.

 

Deepin

Deepin é um Linux chinês com uma inteface gráfica muito bonita

Deepin se trata de um sistema Linux que até sua versão 15 lançada no final de 2015 era baseado no Ubuntu, mas mudou sua base de desenvolvimento das versões posteriores para o Debian.

O Sistema traz sua própria interface gráfica chamada DDE, baseado atualmente em Qt5, que de tão bonita que é, já foi portada pra diversas distribuições Linux, até no Fedora já consegui instalar a mesma, e o Manjaro já traz uma ISO com essa interface prontinha pro uso.

A equipe do Deepin concentra sua atenção em entregar um designer intuitivo, possuindo Apps pra facilitar o uso do sistema por qualquer pessoa, como a Deepin Software Center por exemplo, que acaba sendo uma opção a Mac App Store por exemplo, pra instalação de programas no sistema.
 
E caso esse sistema tenha lhe interessado, recentemente fiz um vídeo sobre o Deepin la no canal, abordando bem mais a respeito.

Devuan

Devuan se trata de um Debian sem sistemd usando outros init

Esse sistema chegou pra ser uma opção ao Debian sem systemd, e começou a ser desenvolvido em 2015, esse systemd casuou um rebuliço tão grande que quase raxou o Debian ao meio, na verdade a maioria dos desenvolvedores antiugos sairam fora, e dram origem a esse novo sistema. que hoje já está presente em um grande número de servidores espalhados pelo mundo.

Com exceção da primeira versão que também se chamou Jessie assim a do Debian, as demais recebem nomes de planetas.

Ele têm uma pegada mais estável assim como o Debian e também não é recomendado a usuários novos no Linux, mas caso você seja novo no mundo piguim, e instale esse sistema, fique preparado pois...

Atualmente o Devuan está na sua versão 4 baseado no Debian 11, chamada de Chimaera ( nome de um asteróide considerado por alguns como menor planeta que orbita o sol) está disponível com os desktops Cinnamon, Kde, LXQt, Mate e mais alguns.

Como opção ao Systemd ele traz o antigo SysVinit e os atuais OpenRC e Runit, e assim como o Debian, ele ainda mantém uma versão 32 bits.
 
E caso esse sistema tenha lhe interessado, recentemente fiz um vídeo sobre o Deepin la no canal, abordando bem mais a respeito.

AntiX

AntiX um sistema linux base debian pra PC fraco

Esse sistema é baseado no Debian testing, sendo rápida leve e fácil de instalar, tendo como obejtivo oferecer um sistema livre e leve, porém totalmente funcional e flexível para os recém chegados ao mundo Linux.

Possui um desktop leve com Rox-IceWM para quem procura algo para instalar em um computador antigo ou com poucos recursos de hardware. Não é tão simples como outros para os novatos, mas pode ser interessante para os mais avançados, visto que a sua flexibilidade é extremamente personalizável.

Ele roda com 256 MB de RAM e um disco de 2,7 GB, sendo o suficiente pra rodar no seu computador velho do século XX por exemplo, que já não roda mais nada.
E se o assunto lhe interessou, fiz um vídeo lá no canal falando mais a fundo sobre esse assunto.

E você prefere sistemas base Debian? Deixe aqui nos comentários. 😀

Postar um comentário

0 Comentários