Como instalar o Telegram no Linux - 2020

 O Telegram vem ao longo do ano de 2020, se tornando uma escolha cada dia mais atrativa ao grande público, assim oferecendo várias ferramentas e opções de privacidade que não aparece no seu concorrente "direto", o WhatsApp. Hoje vamos ensinar como a instalar o Telegram Desktop no Linux.


Instalar Telegram Linux


Para instalar o Telegram Desktop no Linux, se tem 3 (três) formas de serem feitas, a primeira baixando o executável do site (em tar.xz) ou instalando via Snap ou Flatpak. Vamos mostrar as três.

Primeiro vamos instalar através do executável, basta entrar neste link que o site do Telegram já vai detectar que você esta no Linux. Depois você vai clicar em "Get Telegram For Linux 64 bit) e com isso vai abrir uma janela pedindo aonde você quer salvar o arquivo compactado do Telegram (que no momento desta postagem é o tsetup.2.3.0.tar.xz). Recomendo salvar na pasta Downloads do sistema.

Feito isso, você vai acessar a pasta onde foi salvo o tar.xz e vamos descompactar ele, basta clicar em cima da pasta e escolher a opção de "Descompactar aqui", e com isso vai ser criado uma pasta com o nome tsetup. e a versão do Telegram baixada no dia. Dentro desta pasta terá uma subpasta com o nome Telegram, que após acessa-lá terá dois arquivos, um Telegram e outro Updater. Vamos dar dois cliques no arquivo Telegram e esperar a tela de configuração inicializar.


Para instalar ele via Snap ou Flatpak, voce vai precisar verificar se os mesmo estão instalados na sua distro, para isso confira a documentação do Snap aqui e do Flatpak aqui. Lembrando que as versões de Snap e Flatpak ainda estão no 2.2.0.

Feito a etapa acima, para instalar é muito simples, basta copiar e colar os seguintes comandos:

Snap : sudo snap install telegram-desktop 

Flatpak : flatpak install flathub org.telegram.desktop

E depois é só esperar terminar a instalação e procurar no "Menu" da sua distro.

Se você preferir baixar o código fonte e compilar por sua conta, o GitHub deles é esse.

Espero você até uma próxima e forte abraço.

Postar um comentário

0 Comentários